sábado, 5 de março de 2011

Cinéfilos ranzinzas, a postos!


Bem escondidinho, ao lado da escada que leva ao restaurante, o pessoal responsável pelas salas de cinema do Reserva Cultural colocou um totem discreto. Chegando mais perto, a gente vê que se trata de uma maquininha encarregada de coletar informações dos frequentadores sobre o local. Tentei tirar uma foto, mas com celular, naquele lugar meio escuro, ficou péssima. Em todo o caso, coloco aqui pra ver se dá pra ter uma ideia da tela que aparece:


Chamo a atenção para as duas últimas questões. Como a parte inferior da foto está pior, transcrevo aqui:

4. Qual é a sua opinião em relação à venda de pipocas na Reserva Cultural?
a. Sou a favor b. Indiferente c. Sou contra
5. A venda de pipocas na Reserva Cultural influenciaria em suas vindas a Reserva Cultural?
a. Sim, aumentaria b. Não c. Sim, diminuiria

Por um lado, eu adorei a pesquisa, achei uma excelente demonstração de respeito ao cliente. Por outro, fiquei preocupada: e se os pipoqueiros ganharem? Vai para o brejo meu último refúgio quase à prova de pipoca no universo das salas de cinema de São Paulo!
Convoco, então, todo mundo que passar lá pela Paulista a deixar seu voto. E, se possível, a favor da manutenção daquele espaço livre da pipoca!

4 comentários:

  1. amo pipoca e cinema. voto pelos pipoqueiros na porta de todos os cinemas.
    os poderes da pipoca de oxalá abençoem a ti

    ResponderExcluir
  2. detesto pipoca em cinema. apesar da tradição, considero mal educado levar pipoca para dentro da sala durante a exibição. é terrível o barulho de pipoca enquanto se assiste ao filme. se pessoas conversando incomodam, por causa do barulho que interfere na concentração e compreensão, o croc croc, em minha opinião pertence a mesma categoria. vou passar na reserva e votar contra a pipoca...

    ResponderExcluir
  3. Beleza, Renato! Bem-vindo ao clube!

    ResponderExcluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.